Petrobras visa renováveis e pretende investir em energia eólica e solar, além de outros setores

Petroleira manifestou interesse em investir em renováveis durante o Petrobras Day

Petroleira manifestou interesse em investir em renováveis durante o Petrobras Day

A Petrobras está avaliando investir em energia eólica e solar, além de outros setores ligados às energias renováveis. A possibilidade veio a público durante o Petrobras Day, na última terça-feira (30), em uma fala do futuro diretor de Relacionamento Institucional e Sustentabilidade da companhia, Rafael Chaves Santos.

O executivo também afirmou que a petroleira também tem avaliado investir no setor de hidrogênio e de energia nuclear. “Nesse momento, estamos estudando quais poderiam ser as melhores alternativas”, declarou Rafael, que assumirá o cargo a partir de 16 de dezembro.

A declaração do futuro diretor acalmou os investidores. Apesar de o PE da Petrobras 2022-2026 ter sido bem recebido pelo mercado, analistas demonstraram receio com o fato de que a Petrobras não previa investir nos segmentos de energia eólica e solar.

Sobre os investimentos em energias renováveis

O investimento em energias renováveis, como a solar e a eólica, são de grande vantagem ecológica. Por se tratarem de formas limpas e inesgotáveis de gerar energia, além de não poluir o meio ambiente por não ter emissão de CO², esse é um segmento com investimentos crescentes e de grande importância para corroborar com a sustentabilidade. Portanto, é de grande valia que empresas grandes como a Petrobras considerem investir nisso.

A energia eólica utiliza-se da força dos ventos para gerar energia elétrica, enquanto a solar utiliza-se da luz ou calor irradiados pelo Sol para o mesmo fim.

Campanhas publicitárias do Refino

No referente ao desinvestimento do Refino, a Petrobras pretende relançar, em 2022, os teasers das refinarias Alberto Pasqualini (Refap), no Rio Grande do Sul, e Presidente Getúlio Vargas (Repar), no Paraná. Quem revelou o plano foram os diretores Financeiro e de Relacionamento com Investidores, Rodrigo Araujo Alves, e de Refino & Gás Natural, Rodrigo Costa Lima e Silva.

Porém, a liberação dos novos teasers depende do ajuste de um novo cronograma e de acordos com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Além disso, a Petrobras divulgou, no final de novembro, o Plano Estratégico 2022-2026, o qual prevê investimentos de US$ 68 bilhões, com a maior parte destinada ao segmento de E&P. O segundo maior investimento será na área do Refino.

Fonte: Click Petroleo e Gas

1 Comment

Comments are closed.

Posts recentes
Arquivos
Categorias